Isenção de visto durante as Olimpíadas

Isenção de visto durante as Olimpíadas

Olimpíadas 2016

Isenção de visto durante as Olimpíadas

Isenção de visto para turistas durante as Olimpíadas de 2016 é aprovada pelo Congresso Brasileiro. A isenção durará de junho a setembro e aguarda sanção da presidenta.

Visando a Isenção de visto para turistas, no último dia 28, o projeto de lei que termina com a exigência do visto para turistas estrangeiros durante os Jogos Olímpicos de 2016 no Brasil, foi aprovado. Com isso, o governo delega aos Ministérios das Relações Exteriores, da Justiça e do Turismo, o poder de liberar a entrada de turistas sem visto, que seria necessário para algumas nacionalidades.

O fato da pessoa ter que solicitar um visto, algumas vezes ainda na terra natal, tira um pouco da empolgação de visitar determinado país. O tempo e a burocracia que são necessários para ir até o consulado, tirar fotos, os custos, a papelada, etc., não é apreciado por muitos viajantes, que chegam  até a cancelar a viagem. Com a aprovação, o governo tenta aumentar o fluxo de turistas durante as Olimpíadas de 2016 no Brasil.

Antigamente os cidadãos americanos não precisavam de visto para o Brasil, mas agora precisam. E por quê?  O Brasil pratica a política recíproca no campo dos vistos de viagens, ou seja, exige do turista estrangeiro o mesmo que o país dele exige do brasileiro para a sua entrada. Para um cidadão americano entrar no Brasil é necessário um visto de permanência, que é concedido de acordo com o tipo de viagem que ele está fazendo.

Na realidade o visto brasileiro é uma autorização federal para que o estrangeiro fique no país por um período de tempo determinado. Se o estrangeiro desejar permanecer mais tempo no Brasil, deverá solicitar ao Ministério das Relações Exteriores o prolongamento da sua estadia.  Um comportamento normal em vários países.

A isenção vai durar quatro meses, de junho a setembro, facilitando assim a vida dos atletas de outros países, que vêm para os Jogos no Brasil, e dos familiares, que os acompanham.

Com a matéria definitivamente aprovada pelo Senado e seguindo agora para sanção da presidenta Dilma Rousseff, o Ministério do Turismo espera estabeler uma portaria em até 30 dias regulando a dispensa de visto.

Comentários

comentário

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe um comentário