Mergulho no Chile

Mergulho no Chile

Mergulho no Chile
Mergulho no Chile

Mergulho no Chile

Mergulho no Chile – Para aqueles que praticam mergulho, o Chile pode ser um paraíso graças a seus variados ecossistemas, apesar das frias águas que tem o Oceano Pacífico, desde a zona central ao sul.

Um grande destino para praticar mergulho é a Ilha de Páscoa. Suas águas são mornas, límpidas, transparentes e permitem uma visibilidade privilegiada, a 40 metros como mínimo e até 60 mt de distância.

Aqui habita uma grande quantidade de peixes endêmicos e multicolores, e também existem cavernas submarinas que atraíram inclusive ao mesmo Jacques Cousteau. Outro ponto a favor é que não há muitos escafandristas. Os melhores pontos da ilha são a praia de Anakena, El Arca Perdida, o recife de Las Áncoras, onde há um moai submergido e o alcantilado Moto Nui, um precipício de 80 metros enfeitado com corais.

O arquipélago de Juan Fernández é outro dos paraísos submarinos do Chile: oferece águas transparentes, uma grande densidade de peixes, além de moréias, lagostas, e a possibilidade de mergulhar com o brincalhão lobo-do-mar de Juan Fernández. Há mais de 40 mil, assim que não é difícil achá-los.

Em todo o perímetro da Ilha Robinson Crusoe, o leito marinho cai mais de 4.000 metros de forma abrupta. Há zonas para principiantes e também para os mais expertos. Por causa dos devastadores efeitos do tsunami de fevereiro de 2010 sobre estas ilhas, sugerimos que você pergunte antes se há condições adequadas para hospedar-se e para fazer mergulho.

Nas proximidades de Coquimbo, frente à Punta de Choros está a Ilha Damascom praias de fina areia branca e águas turquesa.

Lá é possível mergulhar com pingüins de Humboldt, nutrias e com um que outro golfinho nariz de garrafa. Também está a ilha Choros e a ilha Gaviotas, menos visitadas. Mais próximo ao centro do país, muito perto de Valparaíso, destacam a angra Quintay e Los Molles, com grande diversidade marinha.

Lugares destacados

  • Iquique
  • La Serena e Coquimbo
  • Ilha de Páscoa
  • Punta Arenas
  • Robinson Crusoe
  • Valparaiso
O clima em Rapa Nui Serviços de mergulho Para levar em conta
Lá é possível mergulhar o ano inteiro, mas lembre que a ilha não tem barreiras coralinas protetoras, pelo que às vezes as condições climáticas são adversas, especialmente entre junho e setembro. A temperatura da água oscila entre os 21° C no inverno e os 27° C no verão. Conta com pontos de mergulho para todos os níveis. Juan Fernández, Ilha de Páscoa, Los Molles, Quintay, e Punta de Choros oferecem aluguel de botes para ir mar adentro, lojas que alugam equipamento e escolas de mergulho com instrutores e guias para assessorá-lo nas saídas. Para mergulhar é indispensável contar com um guia ou instrutor. Dito instrutor deve contar com uma autorização da Armada do Chile para levar pessoas a mergulhar e preferivelmente com uma certificação de alguma associação internacional como PADI (Professional Association of Diving Instructor USA) ou CMAS (Confederação Mundial de Atividades Subaquáticas).
Guía Aventura 2010 Web de mergulho  
Para ter os melhores dados de mergulho, conhecer os pontos aonde ainda não chegam os turistas, ou receber conselhos de expertos aventureiros sobre as costas chilenas, a “Guía Aventura 2010″”, escrita pelo jornalista e viajante chileno Sergio Paz, é uma excelente opção. Para ter informação atualizada de tudo o que tem a ver com o mergulho no Chile, o lugar indicado é www.divechile.cl.Na página você poderá obter informação pratica, novidades em mergulho e dados para planejar uma viagem de mergulho no Chile ou um mergulho em ilhas ou praias.

Fonte: SERNATUR 

Comentários

comentário

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe um comentário